Buscar

Filial da Record TV de SP é hackeada.


A Record TV de São Paulo sofreu um ataque hacker neste sábado (31). O ataque, caracterizado como deface, foi realizado por integrantes do grupo Digital Space. Um dos integrantes do grupo foi preso em junho por vazar os dados pessoais do presidente Jair Bolsonaro e familiares.


Deface é uma forma de ataque hacker que pode ser caracterizada como uma pichação: após invadir o site, o cibercriminoso inclui texto, áudio ou vídeo como forma de protesto. Neste caso, o grupo faz alusão ao integrante que foi preso meses antes.


No total, foram quatro domínios e subdomínios invadidos: recordpaulista.com.br, recordtvpaulista, wap.recordpaulista.com.br e wap.recordtvpaulista.com.br. O golpe foi assinado por M1keSecurity, 0z4na e H4x03. As informações foram enviadas ao TecMundo durante a madrugada de sábado (31).


O deface foi registrado no site Zone-H. A mensagem presente dizia o seguinte – o acesso já foi normalizado no site da Record: “Digital Space voltou mais forte do que nunca. A liberdade vai cantar! PJL pros irmãos que ta na tranca!!! Quer parar com as invasões arranja emprego na área pra nois!” (sic, como escrito).


A Record TV não se pronunciou sobre o caso e o acesso foi normalizado. No entanto, a pesquisa via Google ainda exibe resquícios do ataque realizado. Caso apareçam novidades, esta notícia será atualizada.


Você quer entender como um projeto de segurança corporativa acontece? Clique aqui agora mesmo!

Fonte: Tecmundo

18 visualizações0 comentário